Nabo

Nabo

Preço normal
€0.00
Preço de saldo
€0.00
Preço normal
Esgotado
-
por 

Nome científico: Brassica rapa L.

Nome comum: Nabo

Descrição geral: Proveniente originalmente da Ásia central e oriental, o nabo foi durante o tempo dos romanos a arma de eleição para arremessar contra figuras públicas em momentos de protesto. Além dessa finalidade é principalmente cultivado devido à sua raiz redonda e tenra, onde a planta acumula os seus nutrientes de reserva, apesar de se poderem comer as folhas e botões florais em algumas das suas variedades.

As que temos neste momento disponíveis são:

- Nabo greleiro ‘Grelos de Santiago’, é uma variedade tradicional que permite tirar folhas tenras pelo menos três vezes antes da colheita.

- Nabo Globo Roxo, é uma variedade precoce de tamanho médio, branca na base e roxa no topo.

Nabo ´Greleiro Senhora Conceição", é uma variedade temporã e tracional portuguesa que produz grelos com abundância.

Nabo 'Gandra', é uma variedade tradicional portuguesa do norte litoral do país.

Nabo 'Di Milano a Colleto Viola', é uma variedade que produz nabos redondos ligeiramente achatados, com cor violeta sobre o cimo da raiz.

Dados nutricionais: Tem muita água, fibras, vitamina C, A, K e sais minerais como o potássio, sódio, cálcio e fósforo. Baixo em calorias.

 

CONDIÇÕES DE CULTIVO

Clima: Temperados sem altas temperaturas e onde a possibilidade de geadas tardias seja muito baixa, locais de boa luminosidade.

Solo: Bem drenado, fértil, rico em matéria orgânica, sem pedras e outros detritos.

Rega: Exigente em água, devendo o solo estar sempre húmido, sem encharcar.

Consociações: Acelga, Alecrim, Alface, Ervilha, Espinafre, Feijão-rasteiro, Hortelã, Couve-flor.

Época de sementeira: Setembro a novembro.

Época de colheita: Novembro e dezembro, 40 a 80 dias após a sementeira.